Ocorreu um erro neste gadget

sábado, 18 de abril de 2009

hello in colors

bom... eu não sou bom em apresentações, tanto que não vou fazer uma.
Minha intenção aqui, unicamente, é a de poder soltar tudo o que ultimamente os dias tem
me levado, sou um tanto quanto careta e subjetivo, se não conseguirem compreender o que estou
tentando dizer, essa era a premissa.

Adoro música, livros, o cinema em suma maioria me da sono.
sou folgado, chato, e idiota. :}

aqui começa minha saga rumo ao desapego, e o céu.

Alguns versos podres em notas sujas, sentimentos rápidos que quase te levam a uma outra dimensão, de razão, dos sentidos, do próprio se conhecer...
Ecos amarelos ocultados em sua voz, estavam prestes a me viciar fixando meus ouvidos nas suas várias palavras vermelhas de ostracismo. Os conselhos caiam por todos os lados, fugindo deles eu corri rumo à aquela cor.
Tive 6 oportunidades para borrar em 6 chances de congelar, apenas uma consegui o objetivo. Levei para casa, escondi junto aos livros e cds velhos. voltei a procura-la ontem, a encontrei no mesmo lugar, segurando-a senti minha frustração refletida no seu interior, estava mais linda que da primeira vez ao fundo sua suja melodia parecia balançar meu quarto, suas cores frias me aqueciam, o meu passado vem em minha direção... como, eu queria muda-lo. Sintia-me em outra dimensão de vários sentimentos interligados a uma decepção, uma surpresa... uma contradição todas no mesmo lugar, todas nas cores que restaram em meus olhos.